Arquivo para julho 19th, 2015

Acidente de sorte, Coração Mente

Dentre tantos devires, análogas imperfeições Por entre dores joviais, fomos amedrontados pela Ignorância Colisões e rompimentos da vida. Lacunas Encontrei a ti despretensiosa, deparei-me com a fortuna Olhava ela com sorte de ti a mim, flecha lançada Olhos negros salvaguardando suposições em potência Fez-se ato, onomatopeia experimental. Tu. Sempre foste minha inspiração entusiasta, mas Nunca fizeste tanto […]

Continue Lendo

Anaxímenes e o sopro infinito do ar

Anaxímenes e o sopro infinito do ar

Anaxímenes de Mileto, filho de Eurístrato, foi discípulo de Anaximandro; alguns há que afirmam que foi também discípulo de Parménides. Disse ele que o princípio material era o ar e o infinito; e que os astros se movem, não por baixo da Terra, mas em redor dela. (Diógenes Laércio II, 3) Tudo o que Aristóteles […]

Continue Lendo

A odisséia de Descartes rumo a um conhecimento sólido

A odisséia de Descartes rumo a um conhecimento sólido

René Descartes nasceu no final do século XVI, na França. Devido à sua saúde frágil, permaneceu acamado por toda a infância e adolescência, o que lhe criou o hábito de meditar. Após entrar para o exército e servir na Guerra dos Trinta Anos, mudou-se para Paris e descobriu sua vocação para a filosofia. Juntamente com Bacon […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas