RSSBiofilia

A reprodução e sua ligação com a mortalidade

A reprodução e sua ligação com a mortalidade

Você já imaginou alguém associando intimamente a reprodução, seja ela assexuada ou sexuada, com a morte? Assim fez George Bataille ao conceber a essência dos seres gerados como uma mudança inquietante. Ninguém explicaria melhor essa relação que Bataille ele mesmo, por isso reproduzirei abaixo suas palavras. Na reprodução assexuada, o ser simples que é a célula divide-se […]

Continue Lendo

A biologia aristotélica

Desde a Academia platônica já eram feitas classificações sobre os animais e plantas em gênero e espécie, todavia somente no Liceu a biologia se tornou um objeto de estudo sistemático. As obras aristotélicas cujo tema é a physis tratam-na amplamente; enquanto o conhecimento astronômico é nobre e distante, o estudo dos corruptíveis, isto é, das plantas e dos […]

Continue Lendo

De Anaximandro a Charles Darwin

De Anaximandro a Charles Darwin

Charles Darwin, na descrição histórica de sua principal obra, A Origem das Espécies, explica o longo caminho percorrido pela teoria evolucionista. Alguns naturalistas acreditavam que as espécies eram produções imutáveis criadas de forma separada. Mas outros viam que as espécies sofriam uma modificação e que as formas de vida existentes eram descendentes por gerações preexistentes […]

Continue Lendo

O que é Ciência para o biofilósofo S. J. Gould

O que é Ciência para o biofilósofo S. J. Gould

Não há nada nos fenômenos, e não pode haver, que indique um início ali, não mais do que acolá, ou, na verdade, em qualquer lugar que seja. O início, como fato, devo saber por meio de testemunho; não tenho meio algum de inferi-lo a partir dos fenômenos. (P. H. Gosse, Omphalos, p. 353) A tese […]

Continue Lendo

Vegetarianismo e shechitá judaico

Vegetarianismo e shechitá judaico

É importante denotar antes de tudo que existem vários tipos de vegetarianismo. Um deles, embora atente que naturalmente os animais se alimentam uns dos outros, considera o homem como ser dotado de razão e discernimento, apto a comer plantas no lugar de animais porque a planta, mesmo se sentisse dor, sentiria em grau muito inferior ao animal. Assim […]

Continue Lendo

Introdução ao Anarquismo Verde

Introdução ao Anarquismo Verde

O seguinte texto condiz com a corrente exposta, não estando vinculado à política do FiloVida. O Blog reproduz seu conteúdo sendo cunhado por valores e princípios democráticos que incluem o direito de expressão estipulado no artigo 5° IV da Constituição – É livre a manifestação de pensamento, sendo vedado o anonimato. O Anarquismo Verde busca viver em comunidades autônomas […]

Continue Lendo

A percepção darwiniana sobre o belo

A percepção darwiniana sobre o belo

Analisando as dificuldades de suas teorias (A origem das espécies, cap. VI), Charles Darwin chega a uma indagação: o quanto sua doutrina utilitarista seria verdadeira? O naturalista britânico segue com um levantamento filosófico: os detalhes da estrutura dos organismos foram produzidos para o bem de seu possuidor (evolução), para satisfazer a beleza do Criador/criatura ou pela […]

Continue Lendo

O maior processo biológico da mulher

Dado que os fenômenos da arte nascem no corpo, esse pode ser concebido como matriz da expressão artística. Especificamente no feminino, a cor avermelhada ganha força simbolizando o ciclo menstrual, maximidade da potência corporal da mulher. Algumas sociedades antigas concebiam esse ciclo como um sutil processo de purificação. Entre os aborígenes australianos, o sangue menstrual […]

Continue Lendo

Medo: do movimento natural ao problema da finitude

A partir da semelhança entre as paixões dos diferentes homens, quem quer que olhe para dentro de si mesmo, e examine quaisquer uma de suas manifestações corporais e/ou psíquicas, poderá ver que são as mesmas que regem a todos os homens, especialmente naquilo que permanece desde o nascimento, isto é, o medo. O grande filósofo […]

Continue Lendo

Edifícios ecológicos: o ambiente agradece

Edifícios ecológicos: o ambiente agradece

Jardins em prédios, além de terem se tornado tendência nos projetos imobiliários, atendem a leis de uso e ocupação do solo, que determinam em muitos estados um percentual mínimo de área verde nos empreendimentos. Indo além da obrigatoriedade das leis, algumas construtoras inovam nesses ambientes para promover um contato maior com a natureza. A procura […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas