RSSFilosofia

A sabedoria de Santo Antão do Deserto

“Aquele que pratica a hesequia no deserto está liberto de três castas de luta: a do ouvido, a da palavra e a da vista. Só lhe resta um combate a travar: o do coração” – Santo Antão. Santo Antão do Deserto, também chamado de Santo Antão do Egito, Santo Antão, o Grande, Santo Antão, o Eremita, Santo […]

Continue Lendo

O que a Filosofia Primeira de Aristóteles estuda?

Para Aristóteles, a filosofia primeira (ontologia) é a ciência que estuda o ente enquanto ente, isto é, a compreensão do ser em seu sentido primeiro e substancial. A filosofia não é uma ciência em particular que busca conhecer no ente um atributo por concomitância (que acompanha o ser, isto é, o ente enquanto “outro”, “ao […]

Continue Lendo

A Filosofia Profissional

(…) the day of the philosopher as isolated thinker – the talented amateur with an idiosyncratic message – is effectively gone. Nicholas Rescher, “American Philosophy Today” (1993) Quando surgiu, a filosofia, bem como o que se poderia identificar como outras disciplinas, como a física e os estudos políticos, não era uma atividade profissional e organizada, […]

Continue Lendo

O meu “teorema do macaco infinito”

Segundo o teorema do macaco infinito, “um macaco batendo ao acaso nas teclas de uma máquina de escrever ao longo de uma quantidade de tempo infinita quase certamente iria produzir um determinado texto, tal como as obras completas de William Shakespeare.” And there it goes. Não é o meu objetivo aqui ficar a discutir a validade […]

Continue Lendo

Consciência de criatura e consciência de estado em Rosenthal

Consciência de criatura e consciência de estado em Rosenthal

David M. Rosenthal pensa que nenhum fenômeno mental é mais central que a consciência para uma adequada compreensão da mente e, senão por isso, nada lhe parece mais próprio a um tratamento teórico sofisticado do o que faz com que um estado consciente seja de fato consciente uma vez que, segundo ele, nem todos os […]

Continue Lendo

Filosofia da natureza e crise ambiental

Estamos vivendo como se tivéssemos mais de um planeta à nossa disposição. Estamos usando 50% mais recursos do que a Terra é capaz de oferecer e, a não ser que mudemos de rumo, esse número irá disparar. Até 2030, mesmo dois planetas não seriam o suficiente. Temos, sim, capacidade para criar um futuro próspero que […]

Continue Lendo

Feminismo e Ideologia de Gênero numa perspectiva Tradicional

Feminismo e Ideologia de Gênero numa perspectiva Tradicional

Se observarmos as antigas tradições espirituais pode-se notar que geralmente se tem associado ao masculino o ativo e o exterior, o aspecto exotérico de uma cultura, enquanto que o feminino está associado ao passivo, o interior, o oculto, aquilo que não é mostrado explicitamente à luz – a alma, por exemplo, está sempre relacionada com […]

Continue Lendo

Vantagens e desvantagens da profissionalização da Filosofia

No meu texto anterior, descrevi um pouco do processo que levou à profissionalização da filosofia e como é a dinâmica da academia hoje. Como a Ana Elizabeth e a Natália Sulman, colaboradoras do Filovida, demandaram que eu colocasse o que acho disso, coisa que não fiz na outra postagem, aqui vou discutir algumas das vantagens e desvantagens […]

Continue Lendo

Etimologia, caracterizações e tipos de Misticismo

Etimologia, caracterizações e tipos de Misticismo

| 25/07/2016 | 1 Comentário

Etimologia Segundo António de Macedo [1], o substantivo “misticismo”, de cunhagem mais recente, tem sua origem em um adjetivo antigo, “mystikos”, o qual remetia aos mistérios, sobretudo os eleusinos. Por sua vez, a palavra “mistério” se originou da raiz my- (ou –mu), da qual derivaram verbos gregos como myeô (iniciar nos mistérios, sagrar, instruir) e […]

Continue Lendo

A Comunicação Não Violenta de Marshall Rosenberg

A Comunicação Não Violenta de Marshall Rosenberg

Seria um feito atípico discordar da importância da linguagem no que diz respeito a Filosofia ou a qualquer investigação acerca da humanidade, quer seja sobre uma possível natureza humana quer seja sobre a teknè. Isso porque a linguagem traduz uma característica peculiar a nossa espécie, sendo esta para muitos exatamente o nosso diferencial diante dos […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas