Tag: Paixões

Cristianismo Ortodoxo: A morte para o Ego

Recentemente perguntei no grupo Estudos sobre a Ortodoxia (Cristianismo Ortodoxo) se para os cristãos cuja doutrina prega que hoje vivemos numa realidade decaída (consequência da queda de Adão e Eva) é um erro falar coisas como “não gostaria de existir aqui, quero morrer logo para essa vida” – sendo esse não um pensamento suicida, mas antes um apelo à tudo […]

Continue Lendo

O discernimento (phronesis) como condutor ético

O discernimento (phronesis) como condutor ético

Não deixar interferir o seu estado emotivo em função do agir com o outro de certo é um exercício bastante difícil, quiçá impossível. Entretanto vejo que quanto mais se deixa as insatisfações pessoais tomarem conta do comportamento em relação ao outro mais preso em si o indivíduo se encontra. A solução disto, ao meu ver, não […]

Continue Lendo

Morte e sensualidade

Morte e sensualidade

Precedido pelo Miroir de la Tauromachi (ensaio de Michel Leiris, 1938) onde o erotismo se liga à vida, não como ciência, mas como paixão e contemplação poética, George Bataille, em O Erotismo (1957), antes de tudo mostra o assunto como algo já há muito tempo tratado de forma aberta entre as pessoas, não mais como outrora, isto é, quando um “homem sério” […]

Continue Lendo

O Livre Arbítrio: as leis dos homens e a ordem eterna

O Livre Arbítrio: as leis dos homens e a ordem eterna

Este texto tem por finalidade abordar o Capítulo 5 (Outras objeções: e os homicídios cometidos em autodefesa, admitidos pela lei civil?) e 6 (Solução: saber distinguir a lei eterna das leis temporais) da obra O Livre Arbítrio de Santo Agostinho. No início do Libre Arbítrio Agostinho versa sobre as seguintes questões: <<É possível matar, sem nenhuma espécie de paixão, […]

Continue Lendo

A ética entre o emotivismo e racionalismo

A ética entre o emotivismo e racionalismo

A concepção dos sentimentos como critério para a avaliação da moralidade das ações humanas caminha em sentido contrário, ao menos em sua completude, à ética racionalista (a exemplo do racionalismo ético encontra-se o cerne teórico da boa Vontade de Immanuel Kant. Esta seria determinada apenas por princípios a priori – ou seja, por leis racionais […]

Continue Lendo

O envolvimento dúbio com o álcool

O alcoolismo é um dos problemas mundiais em saúde pública de grande envergadura e uma das maiores causas de morte clínica em muitos países. Dentre as beatitudes oferecidas pelo estado do alcoolismo, a mitologia grega mais uma vez vem à tona com Dionisio, um ótimo exemplo para explanar tal tema. Conhecido como o deus do […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas